Princesa de Ouros

sábado, 28 de março de 2015

Bom dia! :-)

Eu sempre prefiro escolher imagens que mostrem Princesas ao invés de Pajens, porque acho interessante o equilíbrio entre as energias masculina e feminina nas cartas da corte. Assim, pelo menos pra mim, faz muito mais sentido Princesa e Príncipe, Rainha e Rei... do que Pajem e Cavaleiro, Rainha e Rei. Mas esta imagem foi absolutamente irresistível!

Este menininho observa seu tesouro, uma maçã recém colhida, enquanto um coelhinho (e estamos perto da Páscoa, não é mesmo?) olha para nós... para o observador do Arcano com uma cara curiosa. No plano de fundo a macieira é a expressão da fertilidade e, ao mesmo tempo, da estabilidade, da estrutura.

A primeira coisa a se pensar é que a Princesa (ou Pajem) de Ouros pode transmitir uma certa inexperiência, pelo fato de ser jovem, mas existe uma base por trás desta criaturinha que é muito poderosa. Na verdade, é milenar... é a expressão de uma linhagem, de uma ancestralidade. Portanto, o que hoje começamos a concretizar possui uma segurança muito grande. Aquilo em relação ao qual começamos a trabalhar, desenvolver, vivenciar tem futuro.

Estou observando a imagem, minhas próprias palavras enquanto escrevo... e lembrando do Eremita de ontem, que já anunciava que o que viesse seria sólido. Nada de coisas superficiais ou passageiras. Ok... Estávamos colocando o foco nos relacionamentos afetivos, porque ontem era sexta-feira, mas vamos nos lembrar que o conceito do Eremita poderia atuar em outros setores também. Então repito: tudo que começou ontem ou começou a ser executado hoje tem tudo para criar raízes, crescer, florescer e frutificar. Pensem nisso!

Ótimo sábado para todos nós! :-)

A imagem veio daqui

Um comentário:

Aldo Luiz Fonseca disse...

Ontem deu eremita aqui. Hoje eremita de novo com essa "princezíssima" de ouros... Tô bem na fita né não?! Miríades de estrelas em seus tetos... Sinto muito, sou grato, te amo, me perdoe.