8 de Ouros

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Bom dia! :-)

O primeiro passo na trilha da Sacerdotisa está relacionado a um trabalho árduo, contínuo e amoroso. O 8 de Ouros não é somente um Arcano de colocar a mão na massa para concretizar coisas... Ele é uma construção muito real de sonhos acalentados e alimentados com amor.

Tenho uma simpatia especial pelo 8 de Ouros porque ele não fala de um trabalho monótono, repetitivo e feito por obrigação. Não. Ele fala de um trabalho que exige dedicação, que expressa os talentos e habilidades, algo que dá prazer, um prazer que está acima e além do simples ato de fazer algo que tem um valor de mercado e pode ser negociado.

O 8 de Ouros é a arte, o trabalho artesanal, meticuloso, cuidadoso, valioso.

Observar um 8 de Ouros passeando pelo Via Tarot em uma terça-feira de Marte é algo curioso, levando-se em conta a rapidez e - diga-se de passagem - a falta de paciência dessa regência planetária. Mas esse pode ser mais um daqueles casos que costumo citar e apreciar: o equilíbrio de energias opostas traz harmonia e desenvolvimento. Então, o resultado pode ser um trabalho bem feito, inspirado e executado com rapidez. Melhor não podia ser!

Hoje, a melhor dica que posso dar é: nada de fugir do trabalho! Ao contrário, vamos usar nossa energia com sabedoria, para que possamos transformá-la em atitudes produtivas e realizadoras. 

Ótima terça-feira para todos nós!

A imagem veio daqui


3 comentários:

Maria Clara disse...

Bom Dia!!!
É o que falei no Sábado de Às de Copas:
"Somos Pagos para fazer o que Amamos"
O que se faz com AMOR tem um Sabor e Jeito Diferente, além de se Destacar.
Também estou nesta Trilha, Aprendendo com AMOR, no Passo a Passo para aí então colocar em Prática.
É Isto.

Aparecida Soares Silva disse...

Viamigos e Querida Cacau,

Feliz ver o 8 de ouros por aqui...Talvez seja a certeza de que eu estava no trabalho errado, fazendo algo muito abaixo das minhas qualificações e não sendo respeitada por ser a profissional que sou. Houve a perda e junto com ela o recomeçar que sempre nos assusta. Ontem, me revoltei, chorei, culpei o mundo, o universo e porque isso só acontece com as pessoas honestas...
Enfim, hoje estou mais serena, mais consciente de que eu não perdi muita coisa...que ganhei!! Ganhei a oportunidade de fazer aquilo que amo, de procurar por uma outra oportunidade que valorize a profissional que sou, fazendo tudo com muito amor e garra! E que antes era infeliz e no fundo acomodada, esperando reconhecimento dos outros, algo que devo fazer por mim mesma.
Começar um novo trabalho, com a certeza de que o que devemos é ser feliz e mais nada!
O 8 de ouros vai frutificar, tenho fé. Se não cheguei ao fim é porque o caminho não acabou! Agradeço ao Via neste momento difícil, ler estas mensagens carinhosas de otimismo e esperança!
Abraços

Cacau Gonçalves disse...

É, meninas... É tempo de trabalho... E é fundamental trabalhar com amor, seja na vida profissional, afetiva, interior, social, espiritual, familiar...

Cida, acredite que, como dizem por aí, algumas perdas são livramento! ;-) A sincronicidade fica por conta de hoje eu ter relembrado e contado pra alguém uma situação que vivi, em que fui demitida de um jornal por questões políticas e que, apesar do sufoco que ia enfrentar, saí da sala do diretor do jornal direto para uma cerveja com o namorado da época, com um sorriso de alívio profundo...rs Tudo vai dar certo. Confia! :-)

beijos