Rei de Espadas

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Bom dia! :-)

Eu que, vez por outra, implicava com o Rei de Espadas, hoje estou pra lá de feliz de encontrá-lo! Neste ciclo de Diabo, a presença de uma carta como esta traz os seguintes benefícios: justiça, e com isso afastamos as armadilhas; ponderação, e com isso eliminamos exageros, descontroles e vícios; lucidez e juízo, isso é autoexplicativo...rs

É fácil entender que a energia do Rei de Espadas é como uma ventania gelada nas chamas do inferno! rsrsrs Exageros e dramas à parte, a questão é esta mesmo: enquanto o Diabo agita, stressa, cria armadilhas, caminhos ardilosos... o Rei de Espadas é frio, ponderado, equilibrado, justo, direto, claro. É um tipo de antídoto do Diabo.

Eu sempre gosto de observar mais atentamente o desenrolar do dia e a influência do Arcano, quando temos uma associação entre a carta e a energia que vibra no dia da semana em que ela surgiu. Exemplo: em uma quarta-feira, quando temos a influência de Mercúrio e falamos de comunicação, aparece por aqui o soberano do reino do Ar, o naipe que está mais diretamente associado à comunicação, à fala, à escrita. Isso quer dizer que teremos, provavelmente, diversas oportunidades para expressar nossos pensamentos.

O Rei de Espadas pode se manifestar para nós através de uma pessoa que surge, com as suas características, disposta a dar um auxílio, apoio, em tudo que envolva os estudos, a fala e a escrita. Ou ainda, um profissional ligado à justiça ou alguém que pode nos ajudar a fazer justiça. Sabe aquela situação em que nos sentimos profundamente injustiçados? Alguém com a energia do Rei de Espadas poderia nos tirar dessa encrenca com muita facilidade.

Hoje não é dia para fortes emoções e nem para trabalho braçal. Pra quem gosta das intelectualidades, usufruam! Bons livros, discursos brilhantes, resoluções legais, redação inspirada... tudo isso faz parte da energia do Arcano de hoje e, portanto, está beneficiado. Aconselho a fazer tudo isso ou ao menos a abrir espaço para esse tipo de coisa na sua vida.

Se alguém estiver pensando em desenvolver alguma ideia ou projeto, recomendo tirar um tempinho, respirar fundo e começar a rascunhar isso, transformar ideias soltas em algo mais estruturado e registrado, por escrito. O Rei de Espadas é bom nisso e pode nos inspirar! ;-)

Ótima quarta-feira para todos nós!

A imagem veio daqui

2 comentários:

Fernando Augusto disse...

Bom dia, Via!

Vou tomar um caminho diferente da Sócia, apenas para não chover no molhado, ok?

Assim que bati o olho neste Rei de Espadas me veio a pergunta que sempre faço quando lido com a interpretação do Tarô envolvendo um conjunto de cartas, afinal, temos aqui a sequência da semana que começou na 2ª: 5 de ouros, Diabo e Rei de Espadas. Não vou fazer uma análise isolada da carta mas vou considerar ela no contexto da semana pois já sabemos as anteriores e eu tenho informações de bastidores sobre as próximas cartas, prerrogativa do cargo que exerço no Via Tarot ;-)

Então eu diria que este Rei de Espadas, que é um intelectual, um especialista em matérias intelectuais (um professor especialista, um advogado, um juiz, um delegado, um médico cirurgião e assemelhados) precisa de muita atenção, precisa de um olho no padre e outro na missa.

E por que?

Por que é como diz o velho ditado:

Dize-me com quem andas e eu te direi quem és.

Este Rei de Espadas antecedido do Diabo me sugeriu a imagem de um filme que adoro: a advogado do Diabo.

E cá estou eu fazendo o papel do mesmo, afinal estou indo por uma linha de interpretação diferente da Sócia. Então muito cuidado com papéis, documentos, contratos de compra e venda, certidões.

A astúcia hoje é uma necessidade de sobrevivência não para que enganemos os outros, mas para que nós não sejamos enganados pelos espertos de plantão ou como diria Bezerra da Silva:

Já falei pra você, que malandro não vacila
Já falei pra você, que malandro não vacila
Malandro não cai, nem escorrega
Malandro não dorme nem cochila
Malandro não carrega embrulho
E tambem não entra em fila
É mas um bom malandro
Ele tem hora pra falar gíria
Só fala verdade, não fala mentira
Você pode acreditar
Eu conheço uma pá de otário
Metido a malandro que anda gingando
Crente que tá abafando, e só aprendeu a falar:
Como é que é? Como é que tá?
Morô mané,chega pra cá

Link: http://www.vagalume.com.br/bezerra-da-silva/malandro-nao-vacila2.html#ixzz2gZRwGmob

Fernando Augusto disse...

Errata: O Advogado do Diabo