4 de Ouros

terça-feira, 19 de abril de 2016

Bom dia! :-)

Eu poderia vir aqui e reclamar: mas ontem eu não encontrei meu 2 de Copas! Cadê aquela situação especial? Cadê aquela parceria? Cadê o milagre que é meu número? As nuvens se abrindo e São Miguel descendo em seu cavalo? rs Não teve nada disso, é fato, mas, por outro lado, o único problema "sério" que tive durante todo o dia foi que roubaram meu lanche na escola! Não estou brincando! E fiquei bem braba! rs Mas no final tudo foi um engano, desculpas aceitas e a vida segue... Mas, sinceramente, levando-se em conta os últimos tempos, ter uma fatia de bolo subtraída ainda é o de menos! Portanto, sim, meu dia foi harmonioso e sou grata por isso! :-)

Hoje, temos por aqui o 4 de Ouros, que é uma das cartas mais práticas do tarot! Ele une duas energias pragmáticas: o naipe de Ouros, associado ao elemento terra, e o número 4, que na numerologia é considerado um número sólido, firme, estável.

Tudo isso faz muito bem à regência planetária de terça-feira, marciana, bélica, impulsiva... Em especial se ainda captarmos um tanto da energia harmônica do 2 de Copas, teremos a energia de movimento de Marte perfeitamente direcionada e organizada pelo 4 de Ouros.

A vida é assim! Não adiante muita criatividade e impulso se não tivermos os pés no chão. Por outro lado, essa concretude pode virar estagnação se não existir uma inspiração, uma ação. Sempre é possível olhar para as coisas de duas maneiras: 1) com base nas diferenças e acreditando que elas serão ponto de discórdia e desarmonia 2) acreditando que ao misturar duas forças antagônicas teremos um resultado mais equilibrado e mais completo. Eu acho a segunda opção mais criativa e interessante.

De forma muito resumida (e que usarei para me aconselhar), o recado de hoje é o seguinte: direcione a sua energia para fazer logo o que precisa ser feito! Faça! Realize! Construa! Conclua!

Todos receberam o recado? Eu recebi...rs

Ótima terça para todos nós!

A imagem veio daqui


Um comentário:

Aldo Luiz Fonseca disse...


Querida Claudia

Tô achando que há algo muito mais e maior do que supõe minha vã filosofia. 4 de ouros aí e 4 de ouros aqui. Hein? Né não? Já reparou que estas consonâncias estão cada vez mais frequentes entre nós?
Pode mandar a conta da consulta...

Na paz da gratidão.