A Força

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Bom dia! :-)

Alguém chamou a Força aqui? rs Eu digo que os Arcanos, algumas vezes, parecem ouvir quando falamos deles! Ontem a Cida falou sobre a Força nos comentários e ela chegou por aqui, fazendo duplinha com a Sacerdotisa. Será que estas duas têm algo em comum?

Gosto muito de traçar paralelos entre Arcanos. Cheguei a fazer um curso todo a partir de duplas de Arcanos, cada aula uma dupla... E escolhi os pares da melhor forma possível para traçar paralelos, seja pela semelhança ou pela diferença. Foi gratificante! E ando pensando em trazer este curso, que foi presencial, para a net, em 2016.

Pois bem... A Força em uma sexta-feira de Vênus ganha um tom extremamente sedutor. Para quem não sabe, esta carta está relacionada à sexualidade, à energia vital e à paixão. (Pausa - respira - Uhuuu! - vira os olhinhos - volta ao normal) Então, se pegarmos toda a sabedoria e intuição da Sacerdotisa e colocarmos um combustível de Força, certamente, teremos a magia pairando no ar. Ousaria mesmo a dizer que Sacerdotisa em dia de Júpiter e Força de dia de Vênus seria a utilização da energia sexual e do amor profundo como forma de expressar magicamente a nossa essência no mundo. Isso não é sinônimo de magia sexual... Isso é muito mais! Aqui não há desejo de manipular energias, mas de transcender à união física, despertando o Deus/Deusa que vibra dentro de cada um.

Uma coisa que venho aprendendo nesses anos de caminhada sobre a Terra é que na maior parte do tempo não fazemos nada... apenas (e nem "tão somente") somos. E estou me referindo à magia em especial... Vejo pessoas querendo fazer magia, mas é fato que maior sabedoria é ser a magia, de uma forma que não precisamos pedir coisas, mas simplesmente sermos o aspecto mais luminoso e divino de nós mesmos e isso, naturalmente, atrairia para nossa vida tudo de melhor. Não é fácil, mas é simples! ;-)

Pois bem, aproveitemos esta bela Força em sexta-feira de amorzinho!

A imagem veio daqui




4 comentários:

Aparecida Soares Silva disse...

Viamigos e Querida Cacau,
Lisonjeada por ter citado meu comentário! :)
Bom, sim eu chamei a força, mas não sabia que ia ser tão rápido! Esperava um arcano menor e não uma virada de ciclo! Mas, a força é a força ne! Vem chegando daquele jeito, dominando ou soltando as feras nesta sexta de Vênus (Gzuiz!!). De fato, foi meu arcano maior da minha tiragem e filosofei com a Sacerdotisa do blog. E sua postagem me fez refletir para outras associações, afinal,esqueci da outra moça que também fica sentada no 2 de espadas, exatamente como a nossa Sacerdotisa. Daí em um mix bem mágico, pude perceber o quanto estas 3 mulheres estavam interligadas: A força com domínio dos instintos primitivos e emocionais; dois de espadas seria o domínio dos instintos e ímpetos de luta pela razão (mesmo que esteja sempre pronta para o combate físico ou de idéias) e sacerdotisa como o domínio dos instintos e ímpetos pela sabedoria, pois como grande mestra espiritual já alcançou a escala evolutiva de esperar o desfecho da própria vida pacificamente.
Eu sempre digo que o tarot tem vida própria e com certeza a mágica está sendo feita. Adorei a idéia do curso entre arcanos e combinações,vai ser mara!! Para finalizar, vai esta musiquinha que não me sai da cabeça e tem tudo a ver com mágica: "Eu tenho a força, sou invencível, vamos amigos, unidos venceremos a semente do mal!!" Créditos para o Trem da Alegria!! Beijos

Cacau Gonçalves disse...

Bom diaaaa! :-)

Oi, Cida!

Sim, sim! Tem uma associação aí da Sacerdotisa com o 2 de Espadas... Até porque é um dois como o Arcano Maior. Aliás, é um bom tema para curso tb: a correlação entre os Arcanos Maiores de 1 a 10 e as cartas numeradas...

Ótima sexta-feira! Que este "trem" seja só alegria! ;-)

beijo

Clara disse...

BOM DIA!!!
Só "AUTORIDADE"
Estrela ,Estrela, Sacerdotisa, Força...
E SALVE O SAGRADO FEMININO.
Grata.

Clara disse...

Sim Aparecida.
No dia 5 de dezembro você Respondeu ao que eu comentei. OBRIGADA por TUDO, viu?
Vi, agora.
Então estamos Nesta, daqui para a frente.
Sei que você e Claudinha me entenderam PERFEITAMENTE.
Não repare, gosto de escrever assim, MAIÚSCULAS e Minúsculas, apesar de dizerem que não é Correto, mas tudo é uma Questão de Ponto de Vista.
Não Grito, como costumam dizer, é só uma Questão de digamos assim: ESTILO.
NAMASTê!!!