Ritual de Ano Novo e Equinócio de Outono - 6ª edição

quinta-feira, 20 de março de 2014


Não, não, não estamos malucos, apenas trabalhando fora dos paradigmas vigentes...rs. Aceitam um pouco de blá...? Então vamos lá!

O Tarot é um jogo de auto-conhecimento. Ele prevê o futuro, o futuro como uma conseqüência de nossos atos passados e presentes. Nossos atos são conseqüência do que sentimos e pensamos. Assim o que sentimos e pensamos é a causa original de nosso futuro. Se não conhecemos o nosso futuro é porque não conhecemos o que se passa dentro de nós. O que ocorre fora de nós acontece antes dentro de nós. O exterior é reflexo do interior. “O Todo é Mente”. Se queremos mudar o futuro precisamos mudar a nós mesmos e a nossa forma de interagir com o mundo. O Tarot é um espelho para entendermos a nós mesmos dentro da realidade do dia a dia. Nós criamos a nossa realidade. Se criamos a realidade e não estamos conscientes disso somos como o Louco, o arcano zero. Se começamos a nos tornar conscientes de nossa capacidade criativa nos tornamos aprendizes da Magia do Tarot. Lidar com o Tarot é adentrar ao mundo do Mago que transformará seu próprio mundo num universo de magia a partir do entendimento, da observação e da arte simbólica, na busca da consciência plena de si.

O Tarot é um caminho para a transformação do ser, que está buscando tornar-se plenamente consciente de si através da observação do que acontece dentro e fora de si, através de seus arcanos, que são chaves interpretativas da realidade.

Uma forma de abordagem do Tarot, que intuí, é colocá-lo em forma de 13 cartas, uma para cada Lua do Ano astrológico que se inicia, onde temos também o Equinócio de Outono entrando oficialmente as 13:57 horas, de 20/03, e encarar cada arcano que sai não só como uma previsão mas como uma lição que temos que aprender e desenvolver em nós mesmos. 13, porque treze é o número da transformação e porque tal contagem de tempo nos coloca em sintonia com o tempo natural e lunar, favorecendo a sincronicidade em nossas vidas. Ao retirar uma carta devolva-a ao baralho e volte a embaralhar, caso alguma carta se repita isso indica que temos que trabalhar mais aquele aspecto em nossa vida. Os arcanos maiores indicarão mudanças estruturais (internas) e os menores alterações conjunturais (externas).

Trabalhe com cada arcano em seu devido tempo, não desenvolva uma visão de futuro para todos os arcanos quando fizer tal jogo, apenas deixe que eles se estabeleçam em você sem se preocupar em desvendar o que ocorrerá nas próximas Luas. Deve-se fazer um diário de acompanhamento de todo o processo, conectando os eventos, percepções e sonhos de cada uma das 13 Luas com o arcano correspondente. Se nosso esforço for sincero e contínuo colheremos muitas bênçãos de conhecimento e sincronicidade, assim perceberemos que temos um guia abstrato e invisível que fala conosco através do Tarot, chegará um momento que poderemos falar com esse guia diretamente, porque esse guia é o próprio espírito em nós, que está expresso simbolicamente no arcano 5 do Tarot, é o nosso mestre secreto e interior, que reside no pentagrama vivente que é o ser humano.

Esse será um trabalho de introspecção e interiorização, onde a energia se direciona para a raiz, para o ser interior. Lembremos que no Equinócio de Outono, dentro do Paganismo e dos cultos que celebram a Terra, temos a época do fim da colheita ou Mabon, época de agradecer e meditar nas bênçãos recebidas, buscar o conselho dos mais velhos, de nossos ancestrais e vibrar pela harmonia no Amor, pela Cura, pela exterminação do mal e pelo afastamento de todos os empecilhos a nossa auto-realização. Nessa fase o Deus prepara-se para morrer. É inevitável para nós ligarmos isso a força de Omulu e de Nanã, existente no xamanismo afro-brasileiro. Apesar de termos, culturalmente, uma visão negativa da morte devemos compreender que se a semente não morre, ela não pode frutificar, assim a força da morte é uma das forças da vida.

Podemos celebrar rituais adequados, dentro do caminho de cada um, para nos sintonizamos com a freqüência de cura e transformação dessa estação da Terra. Entrar na sintonia da Terra é fundamental em qualquer caminho pagão e/ou xamânico.  Podem ser acesas velas pela casa nas cores verde, marrom, amarela e roxa. Usa-se incenso (ou essência) de mirra ou cravo ou limão. Podem ser feitos bolos de milho, cenoura ou nozes, bem como pipocas. Músicas que podem ser tocadas durante o rito são:

Outono das 4 estações de Vivaldi
Sentinela do Milton Nascimento.
Grão, de Gilberto Gil
Cio da Terra, Milton Nascimento
Amor de Índio, Milton Nascimento
Terra, Caetano Veloso
Gracias a la Vida, Mercedez Soza
Canto della Terra, Andrea Bocelli

Feliz Ano Novo Astrológico e Excelente Equinócio de Outono!
F.A.

25 comentários:

Nancy Passos disse...

Oi !!

gostei e vou fazer, porém tem um detalhe posso usar um tarot virtual ?

Besos,
nancy

F.A. disse...

Oi, querida Nancy!

Pode sim, inclusive as músicas podem ser improvisadas dentro do tema do Equinócio de Outono, criando uma festa musical para celebrar a nova estação.

Beijos,

F.A.

Madalena disse...

Eu fiz... e não é interessante ter saído o 4 de Espadas para essa lunação, bem no mês em que resolvi inserir uma prática de meditação diária no meu cotidiano?
Já estou com o caderninho a postos... :)
Beijos,
Ju

LENA disse...

Quantas informações,para uma aprendiz....adorei....

Obrigada por esse texto!
beijos.

Marilene

Rosane Peon disse...

Adorei esse aprendizado !!
Feliz Ano Novo Astrológico!!

Beijos,Rosane

Verbenna disse...

Ah que legal!!!
Vou experimentar isso pela primeira vez, adorei as dicas!!!
beijos, V.

Juliana disse...

Puxa, essa noite mesmo fiz o meu para o próximo ano... e começo com um belo 2 de Copas... :)
bjos!
Ju

Lisavietra disse...

lindo! valeu! vou fazer!!!

Flavinha disse...

Adorei o texto Fernando, obrigada!!
Também vou fazer.... :)


Beijos

Maryssol disse...

Bom dia Sócios, Bom dia via.

Valeu! Entrei cedo aqui já para saber alguma coisa desse jogo que já estou também na terceira edição.

Vou fazer o meu agora.

Beijo grande pra vcs!

Sinto muito, me perdoa, amo vocês, sou infinitamente grata!

PS.: Vou usar uma de minhas músicas favoritas, Terra - Caetano. há tempos não escutava.

Aliks disse...

...obrigado...obrigado...obrigado...!!!!!!!!!!

Emanuel disse...

Feliz Ano Novo, Equinócio de Outono, dia de hoje.
E que possamos, como a Senhora Semente, encontrarmos o diamante no inverno, trazê-lo à tona na primavera, lapidá-lo e fazê-lo brilhar sob o Sol de verão, até o próximo outono...

Fernando Augusto disse...

Assim seja, Emanuel!

Que possamos ter a visão clara daquilo que temos que realizar neste novo ciclo.

Abraços,

F.A.

Anônimo disse...

Magnífico!
Em dia de Sol uma tarefa dessas.
Obrigada por partilharem connosco no Via! Grata! Grata!
Feliz Ano Novo Astrológico para todos nós!

Eu só posso fazer com os Arcanos Maiores,mas penso não haver qualquer problema.

:) e mais uma vez continuo estudando para a minha prova amanhã com a música do Via!
K_line

Maryssol disse...

Santa Sinconicidades Via!

Li meu comentário no post de março do ano passado. E curiosamente hoje pela manhã havia postado a música terra no facebook, uma de minhas favoritas.

Já havia feito o meu jogo das 13 luas na entrada do outono, madrugada do dia 20.

Fico feliz quando percebo claramente minha sintonia com o via, um espaço que amo de verdade.
Beijo a todos,

Bom restinho de domingo, e uma ótima semana a todos!

Maryssol

Anônimo disse...

Boa noite Via!!!

Que alegria, chegar aqui e ler meu comment de 2009 rsrsr..eu não tinha baralho ainda foi virtual mesmo, no ano seguinte usei um que veio numa revista que só tinha os arcanos maiores, no 3º ano usei um que eu mesma fiz rs.... este ano pude escolher qual deck seria usado entre alguns que já comprei.!

Desde o primeiro ano esse ritual tem sido de grande valia, sincronia e pouco e me ajuda muito!!!

Que lindo, Emanuel por aqui, saudade querido muita saudade, para suas palavras...que assim seja, assim se faça!!

Beijos,
Nancy

del disse...

sigo a via há algum tempo todos os dias vou ver a carta e tento harmonizar-me com a energia dela (houve um dia que saí para o trabalho sem ver a carta foi o dia da senhora das encruzilhadas deixei o meu carro numa encruzilhada não é que ele ganhou vida e foi bater no carro duma colega(cujo relacionamento não é dos mais harmoniosos é tipo cão e gato uma na presença da outra está sempre rosnando e mostrando as garras).só vi a carta quando cheguei em casa a sincronissidade foi espantosa. sou imensamente grata pelo vosso trabalho.eu moro em portugal o ritual de outono como fica? sou grata ,grata grata até ao infinito tudo de bom para vocês dois um abraço

del disse...

sigo a via já algum tempo todos os dias venho ver a carta e tento harmonizar-me com a energia dela.sou muito grata pelo vosso trabalho,se possivel podem responder-me a uma pergunta eu vivo em portugal começa agora a primavera como fica o ritual? sou grata

Fernando Augusto disse...

Del,

na parte relativa ao Tarot o ritual é o mesmo.

Na parte relativa a celebração da primavera basta usar os elementos adequados a esta estação dentro da tradição pagã. Veja aqui algumas dicas:

http://www.oldreligion.com.br/novo/conteudo/index.asp?Qs_idConteudo=212

Somos gratos também pela sua companhia. Bem haja para você!

F.A.

Anônimo disse...

Oi.
Eu não entendi como devem ser selecionadas essas treze luas. Poderiam explicar?

Maryssol disse...

Bom dia Vianautas!

Eu aqui de novo! Adoro esse jogo, aprendo muito a cada ano, a cada lua!

Gratidão!

Sinto muito, me perdoa, eu te amo, sou grata!

Maryssol

Cris Lourenco disse...

Desculpa minha ignorância....
Mas o que são os 13 ciclos lunares?
Pensei em 12, relacionados aos meses do ano...

Fernando Augusto disse...

Oi, Cris. Uma lunação dura 28 dias. 28 vezes 13 luas dá 364 dias, o dia que sobra representa a fase de transição dentro de um calendário lunar.

Por isto usamos 13 luas ;-) Ela equivale ao ano todo - 365 dias - regulado pelas lunações.

lilith disse...

Caramba, Fernando, que sintonia! Por aqui saiu a Criança, carta de nº 13 do Lenormand, de vibração dos erês e do novo, acessorada pelo Buquê, carta de vibração de Júpiter e de Nanã e pelo Sol, carta de vibração de Oxalá. _/\_

Adorei o texto e as dicas. Vou fazer o ritual das 13 cartas.

Feliz ano novo!
Gratidão!

Lilian

Fernando Augusto disse...

Feliz Ano Novo, querida Lilian!

Vamos seguindo os sinais do espírito nesta imensa rede interdimensional.

Gratidão pela companhia na jornada!

F.A.