Rei de Espadas

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Bom dia! :-)

Começamos a semana com a nobre presença deste senhor. O Rei de Espadas é dono do conhecimento, é o mestre da razão, é o cara que sabe porque estudou, mas nem sempre é tão hábil assim na hora da prática.

Então, temos hoje aqui, em um ciclo de Mago/Carro, um Arcano que parece querer entender, racionalizar e registrar de forma clara o que está acontecendo. Isso pode ser um tanto desafiador, porque estamos falando de processos nem sempre compreensíveis pela razão.

Não sei se estou sozinha nesta viagem, mas tenho sentido coisas estranhas no ar. Minha dificuldade é ajustar o GPS, porque sinto algo no ar, mas não sei de onde vem. Não sei se é só meu, se é de outra pessoa e eu captei, se é do coletivo... Mas que tem algo pairando no ar, tem!

Mas vamos pensar em como este Rei de Espadas se manifestará em plena segunda-feira de regência lunar. O primeiro desafio é harmonizar estas energias opostas. O Rei de Espadas fala de razão, lógica, justiça, ver algo com clareza e conseguir se decidir. A Lua é a emoção, a subjetividade, tudo que está meio sombrio, sem definição. A regência planetária e o Arcano do dia terão que se entender hoje...rs Um é Ar e o outro é Água. Mas eles podem buscar o caminho do meio e encontrar o equilíbrio.

Dicas? Conseguir harmonizar a mente e o coração! Em um dia em que falamos tanto da espiritualidade e da magia, o Rei de Espadas pode estar aqui como um orientador, alguém que aponta um caminho mais justo e equilibrado para lidar com assuntos tão complexos.

Que a segunda seja clara, seja leve, seja justa.

A imagem veio daqui

4 comentários:

Aldo Luiz Fonseca disse...

Não estás sozinha nesta viagem, tenho sentido coisas estranhas no ar. Minha dificuldade é ajustar o GPS/tempo, porque sinto algo no ar, mas sei de onde vem. Não sei se é só meu, se é de outra pessoa e eu captei, se é do coletivo e muito mais... Que tem algo pairando no ar quase rente ao chão, tem!

E o que vem vindo aí está creio estar vindo por aqui, tô sempre atento ao campo quântico, sempre pesquisando. Veja esta; http://infinitoaldoluiz.blogspot.com.br/2016/06/a-violenta-tempestade-esta-chegando-de.html

Aqui, hoje, saiu "roda da fortuna"...

Na paz da gratidão.
Gostou da música de ontem?

Virgínia disse...

Olá Cláudia! Como vai?

Então, depois de um tempo sem visitar o blog, cá estou eu de volta. :) Confesso, estou de volta já há uns dois ou três meses e tenho visto tudo caladinha, mas impressionada em como todos as mensagens dos arcanos, desde então, têm feito um enorme sentido pra minha vida e me ajudado muito.

Dessa forma, quero primeiramente, expressar meu agradecimento!

Hoje senti que precisava comentar, pois foi o casamento perfeito da segunda-feira da magia e espiritualidade com a lógica, clareza e razão do Rei de Espadas. Pra mim se manifestou assim: uma situação que me trouxe maior clareza e me auxiliou a enxergar um pouco melhor uma espécie de sonho e encantamento no qual eu vinha envolvida e que estava me tirando a lucidez e fazendo com que eu atribuísse mais importância e valor do que devia a algo (na verdade, alguém) na minha vida, além de me ajudar a refletir sobre padrões e outras cositas mais...

Beijo de gratidão!
Virgínia



Cacau Gonçalves disse...

Querido e querida, ando tão corrida por aqui que não tenho conseguido responder comentários, apesar de ler todos, sempre! Houve um tempo em que acreditei que conseguiria sair deste processo e ter uma vida tranquila e sem correria. Hoje, já acho que vai ser deste jeito pra sempre...rs Então, o que me resta é pedir desculpas pelo mau jeito, pela falta de respostas ou ao menos o atraso delas, e seguir em frente.
Aldo, sempre conectados! :-)
Virgínia, seja bem vinda de volta! :-)

Aldo Luiz Fonseca disse...


Cacau, não sei se concordará, mas, esta nossa "conexão" é o mais elevado grau espiritual do sexo Mahamudra tântrico.

É a porta suprema de receber bênçãos para todos os praticantes, mas especialmente para aqueles que praticam o mahamudra tântrico.

"Mahamudra significa um orgasmo total com o Universo. Se tiveres amado alguém, algumas vezes sentiste uma fusão, uma submersão - os dois já não são dois. Os corpos permanecem separados, mas há algo entre esses corpos, algo como uma ponte, uma ponte de ouro, e a duplicidade interior desaparece. Uma vida-energia vibra em ambos os pólos. Se isso já aconteceu contigo, poderás compreender o que é Mahamudra."

Pra você, flores de junho gelado na paz da gratidão