7 de Paus

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Bom dia! :-)

Como a carta não era o primor do romantismo, resolvi caprichar na imagem ;-) Esta é uma das imagens mais lindas do 7 de Paus que eu já vi! E sua beleza reflete a influência venusiana da sexta-feira.

Bem, o 7 de Paus é uma carta um tanto agressiva demais para pensarmos em amorzinho. Por outro lado, possui uma voracidade ritualística típica de uma batalha épica ou de uma grande noite de amor. Alguém já pensou nisso?

O 7 de Paus é a carta da coragem, do "coração de leão" e - por favor - me digam se um dos momentos em que mais precisamos de coragem não é, exatamente, quando nos apaixonamos? Claro que sim! O amor é um processo louco de entrega e envolvimento. Sem garantias e com todos os riscos, mas ainda assim é tão difícil negá-lo. Ignorá-lo. O que há no amor que nos encanta tanto? E que nos engana quando jovens, mas mesmo quando a maturidade vem e já sabemos dos riscos e dores, ele nos dá uma piscadela amiga, como quem diz "você sabe que poderá sofrer... você sabe que pode não durar pra sempre... mas você também sabe que será único, como sempre é..." E lá vamos nós de novo, não importa se com 15, 40 ou 75...

Retorno à pergunta: o que há no amor que nos encanta tanto? *Pensando... Pensando...* Eu creio que é esta sensação de humanidade... Esta fragilidade que é toda força, esta coisa ilógica que faz todo sentido e faz tudo sentir. Não sei vocês, mas quando estou amando e sou devidamente alimentada de amor, costumo manter um sentimento de felicidade calma, um sorriso constante, uma sensação de plenitude... Eu crio melhor, trabalho melhor, durmo melhor, vivo melhor. Eu entendo todas as incoerências humanas e sou mais generosa e compreensiva com elas... Claro que não estou falando da paixão, que costuma agir como um maremoto no meu ser...rs Mas estou falando no amor, aquele sentimento macio e quentinho que vem, depois que o maremoto passou... ;-)

O 7 de Paus é a carta da coragem, do desafio que surge e somos convidados a enfrentá-lo, superá-lo. Fico pensando que em uma sexta-feira de amorzinho o desafio pode ser amoroso, pode envolver um relacionamento ou um sentimento. E como lidar com isso? Bem, com o coração aberto e a entrega que somente os corajosos são capazes.

Sigamos pois... amorosamente, mesmo quando parecer batalha, mesmo quando exigir coragem.

Ótima sexta de amorzinho!

A imagem veio daqui





8 comentários:

Sonia De Antoni disse...

Cacau, estava mesmo tentando encontrar uma conexao entre uma pergunta sentimental e o significado ds carta 7 de paus. Minha busca redirecionou a sua pagina. Achei incrivel sua análise, bem como tudo fez efetivamente sentido depois de ler o seu texto. Parabéns pela sensibilidade e talento! Realmente, me ajudou a compreender melhor a mesnsagem da carta. Abraços!

Cacau Gonçalves disse...

Gracias, Sonia! :-)

Bem vinda a família Via Tarot!

Abraço!

Clarice disse...

Linda mensagem de amor para uma carta que fala de batalhas...aprender a amar em liberdade, sem o amparo das garantias, é uma desconstrução e isso representa um flor de trabalho subjetivo. Lindo blog, amei:)

Gabriela Encinas disse...

Bem... Adorei a sua colocação, o modo como vê.
Na verdade eu não vim aqui só para fazer um comentário de como gostei, ou que entendo desse mundo, na verdade estou tentando aprende-lo.
Eu gostaria mesmo de lhe fazer uma pergunta. Eu não entendo bem o significado dessa carta na sétima carta do tarot, bem do amor... Fiquei um tanto surpresa e confusa quando a vi, pois não imaginava que pudesse ocupar tal lugar.
Agradecida desde já;
xoxo

Cacau Gonçalves disse...

Clarice e Gabriela

Somente agora vim aqui responder a vcs, desculpe pela demora, mas algumas vezes eu vejo alguns questionamentos e penso "preciso de tempo para responder isto" e no final o tempo passa...rs

A Clarice pegou o gancho da explicação: é a reflexão sobre o amor e o relacionamento afetivo que está em pauta na sexta-feira sob regência lunar. Portanto, qualquer carta pode aparecer por aqui (viu, Gabriela?), porque o grande desafio da interpretação do tarot é analisar qualquer dos 78 Arcanos em qualquer casa ou dia ou tema, porque elas sempre têm algo a nos ensinar. Particularmente, até gosto mais quando carta que não têm a ver com o tema aparecem, porque a interpretação costuma ser mais profunda e o aprendizado mais amplo. Tirar a Rainha ou o Rei de Copas na sexta-feira de amorzinho é um tanto óbvio (apesar de que costumo fazer interpretações não óbvias sempre...rs), teremos aí ou pessoas com quem nos relacionamos ou das quais gostamos, ou teremos situações amorosas, harmoniosas, etc... Ou seja, o jogo não diz muita coisa nova, só confirma o tema. Mas quando temos cartas bem diferentes, que falam originalmente sobre outros temas, precisamos interpretar e analisar de forma mais profunda o que ela está querendo nos dizer.

Espero ter sanado as suas dúvidas, Gabriela!

beijo pras duas

Cacau Gonçalves disse...

Ops!
Correção: regência venusiana na sexta-feira! ;-)

Shaka de Virgo disse...

Deixa eu ver se entendi bem:

O 7 de Paus no amor, seria resumidamente lutar por aquilo que se ama ?

Cacau Gonçalves disse...

Oi Shaka!

Hmmm... Não diria lutar por aquilo que se ama... Eu diria se entregar, corajosamente, ao que se ama. A questão aqui é mais a coragem de amar do que a força para conquistar, entende?