Príncipe de Paus

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Bom dia! :-)

Sempre que eu olho para este Arcano, penso logo daquela frase clássica do filósofo: "e agora, quem poderá me salvar?" É o Chapolim Colorado! :-) Sim! O Príncipe de Paus é um belo exemplo do herói, que traz a energia do fogo, vermelha, intensa e aventureira.

É este moço, sempre pronto a enfrentar um novo desafio, salvar mocinhas em perigo, ajudar a velhinha a atravessar a rua, tirar o gatinho de cima da árvore, que chega por aqui hoje, trazendo consigo a coragem e a energia de mudança para nossas vidas.

Como já dizia a musiquinha da banda pop Blitz, todo mundo quer ir pro céu, mas ninguém quer morrer (hoje estou cheia de citações...rs). A tradução livre dessa frase é algo como: todos querem os benefícios da transformação, mas poucos são aqueles dispostos a trabalhar, ter disciplina e fazer todo o esforço necessário para que tal transformação aconteça. Afinal de contas, vocês pensam que o processo é fácil? Né não! rs

Enfim, o Príncipe de Paus é um cara que não teme mudanças, muito pelo contrário, seu senso de heroísmo, sua coragem e seu gosto pela aventura permitem que ele enfrente situações adversas, mas com isso acabe por aprender muito e conquistar vitórias que somente os bravos conseguem.

Essa é a nossa proposta nesta segunda-feira!

A energia lunar, que rege este dia da semana, nos coloca diante de questões espirituais e mágicas. E ter o Príncipe de Paus ao nosso lado é muito auspicioso. Ele pode representar uma pessoa, que tenha uma personalidade com suas características ou pode representar um ser espiritual capaz de nos proteger contra eventuais demandas e energias negativas dispersas. Ele também é o guia-mestre-guardião que nos ensina como podemos driblar toda e qualquer situação difícil.

Então, façamos nossas conexões com nosso Príncipe de Paus protetor e herói, seja lá em que plano ele estiver. Quando vibramos esta energia igualmente heroica e corajosa, atraímos para nós os semelhantes, portanto, a melhor maneira de se conectar com um guardião com esta energia, do fogo purificador e transformador, é vibrar esta energia em si.

Vamos então? RB? ;-)

Ótima segunda-feira para todos nós!

A imagem veio daqui

2 comentários:

Fernando Augusto disse...

Bom dia, Via!

Eu gosto de apreciar as sincronicidades que por vezes ocorrem entre os arcanos do Tarot e os astros celestes já que fazemos aqui uma parceria entre ciências-irmãs: Tarot e Astrologia desde que utilizamos os dias da semana e suas correspondências astrais para analisar a carta do dia.

Por exemplo, que relação há entre o Cavaleiro de Paus e o signo de Sagitário? Praticamente uma relação de identidade, ambos cavaleiros ígneos.

Hoje é dia da Lua, 2ª feira e a Lua acabou de entrar em que signo?

Sim, Sagitário! Nos tornamos caçadores de emoções, sublimes sentimentos, ideais distantes, desafios que fazem o coração pulsar mais forte na direção da espiritualidade.

A aventura de ser é disparar o nosso intento na direção do mais alto, mais distante, do infinito: Deus.

A palavra herói vem do grego hero, semideus, e esta palavra cai bem para o Cavaleiro do Fogo, fogo que é um atributo divino, que segundo o mito grego nos foi entregue por um outro herói sagitariano, clarividente, profético, defensor da humanidade: Prometeu.

E aqui surgem outras palavra-chave para herói e para o Cavaleiro de Fogo: superação e sacrifício.

Mas este Cavaleiro não é muito de falar, é de agir e a vida parece nos chamar, nos convocar para sermos heróis de nossa própria ventura de viver.

A questão a ser resolvida em neste momento é:

Aonde eu preciso agir como herói para justificar o meu próprio viver não diante dos outros, mas de mim mesmo?

Júpiter, o regente de Sagitário encontra-se retrógrado em Câncer, conjunto com Lilith, então há aspectos do passado, de natureza cármica, associados a nossa relação com o pai, com o masculino, e a relação com o feminino (Lilith), o poder feminino que não se submete, que precisam ser compreendidos e purgados. Por vezes quando o masculino abusa de seu poder ele precisa fazer o resgate do feminino para que um novo equilíbrio possa ser estabelecido e possamos então viver plenamente. É tempo de reunirmos em nós o masculino e o feminino em condições de respeito e honra.

Ou como diria Jung:

Onde o amor impera, não há desejo de poder; e onde o poder predomina, há falta de amor. Um é a sombra do outro.

Sinto muito, me perdoa, te amo, sou grato.

F.A.

Clara disse...

Muito Legal este Principe Iniciando Nossa Semana.
Preciso fazer Ginástica por Vários Motivos.
Que este Principe do Fogo me "Impulsione" para que eu Faça o Que Tem Que Ser Feito"